Feugiat nulla facilisis at vero eros et curt accumsan et iusto odio dignissim qui blandit praesent luptatum zzril.
+ (123) 1800-453-1546

Related Posts

(11) 2963-1999 / (11) 2963-9011 (11) 9 4772 4980 - WhatsApp
Seg à Sex: 9:00h - 19:00h Sábado: 9:00h - 13:00h

Dúvidas

Trouxemos algumas perguntas que geralmente recebemos de nossos clientes.

A Centerpharm tem a preocupação sempre em trabalhar de forma transparente com seus clientes. Interessada em deixá-los cada vez mais informados, disponibilizamos as respostas das perguntas mais frequentes de nossos clientes.

Perguntas Frequentes

Os medicamentos de marca e os genéricos são feitos em alta escala e com dosagens padronizadas. Já os manipulados atendem a uma prescrição personalizada, ou seja, são desenvolvidos individualmente para cada paciente.

As cápsulas são apenas um invólucro, e sua cor não interfere diretamente na eficácia do medicamento.

Sim.  A densidade das matérias–primas variam de lote para lote, e portanto o tamanho das cápsulas podem ser variar.

Guarde na geladeira somente quando for recomendado pela farmácia e/ou farmacêutico. Haverá uma indicação na embalagem do produto quanto à necessidade de conservação em geladeira. Caso não houver, siga as orientações de conservação de quaisquer medicamentos.

Algumas vezes, o volume da dose prescrita pelo seu médico é maior que a capacidade da cápsula e é necessário dividir a dose em mais de uma. Quando isso ocorrer, as informações de quantas cápsulas você deverá tomar estará indicada no rótulo e em etiqueta especial. Qualquer dúvida, ligue para a farmácia.

Não. Apenas o seu médico poderá alterar a dose ou a posologia (modo de uso) de seus medicamentos.

Não. A medicação deve ser usada durante o período prescrito pelo seu médico e somente ele poderá autorizar sua interrupção.

Caso não haja orientação específica do próprio médico ou dentista, a receita deve ser encaminhada imediatamente à farmácia.

Ao farmacêutico. Ele é o profissional habilitado para prestar-lhe assistência farmacêutica e dar-lhe a orientação correta.

Procure imediatamente o seu médico ou o farmacêutico que manipulou o seu medicamento.

Se existir a possibilidade de estar ou ficar grávida durante o tratamento, informe o seu médico. Ele irá orientá-la a respeito dos medicamentos. O mesmo procedimento deve ser adotado se você for amamentar.

Não. O álcool poderá diminuir ou aumentar a ação do medicamento, interferindo no seu tratamento.

Converse com o seu médico ou com o farmacêutico, um dos dois poderá orientá-lo, de acordo com o tipo de medicamento.

Não. Apenas o seu médico pode alterar a dose ou a posologia(modo de usar) recomendada.

Não. Os medicamentos denominados Genéricos são fabricados por indústrias farmacêuticas e registrados no Ministério da Saúde, de acordo com a Lei n° 9787/1999. No entanto, a farmácia de manipulação pode aviar qualquer medicamento, desde que prescrito para ser manipulado. Utilizo o mesmo remédio há muito tempo. Posso mandar prepará-lo na farmácia de manipulação? Sim. Desde que seu médico o prescreva para ser manipulado.

Não. A quantidade prescrita pelo seu médico está de acordo com a sua necessidade e, muitas vezes, o volume indicado é menor do que a capacidade da embalagem.

Não. Ao acrescentar água, você estará diluindo as substâncias ativas e diminuindo o efeito do seu xampu.

O que é um medicamento manipulado?

Nenhuma pessoa é igual a você. Por isso, quando você recebe uma receita de medicamento manipulado tenha certeza de que a prescrição e a fórmula são únicas.

O medicamento é personalizado, desenvolvido exclusivamente para atender a quantidade e a dosagem ideal para o seu tratamento, ou seja, sua exata necessidade.

A farmácia produz o medicamento na quantidade que você precisa, evitando assim sobras e desperdícios e diminuindo o custo do seu tratamento.

É possível ainda preparar remédios que a indústria farmacêutica deixou de produzir ou não fabrica na dosagem adequada ao seu caso. Algumas doenças precisam ser tratadas com vários medicamentos ao mesmo tempo.

Quando isto ocorre, o médico pode prescrever uma fórmula manipulada que possibilite a associação das substâncias, sem colocar a vida do paciente em risco.

Remédios para crianças podem ser feitos num tamanho especial de cápsulas ou manipulados em forma de xaropes ou supositórios, entre outras. Isto facilita a administração, evitando que comprimidos sejam partidos ao meio, por exemplo.

Vantagens do medicamento manipulados

  • Qualidade: as farmácias de manipulação seguem normas das Boas Práticas de Manipulação e devem assegurar a qualidade das matérias – primas, qualificação de seus fornecedores e de todo processo de manipulação. A fiscalização sanitária é a mesma da indústria.
  • Medicamentos não disponíveis: pode acontecer da indústria farmacêutica deixar de produzir um medicamento ou não fabricar na dosagem adequada ao seu caso.  A farmácia magistral poderá atender à prescrição manipulando o produto, evitando, assim, que o tratamento seja interrompido, o que poderia agravar ou comprometer a saúde do paciente.
  • Apresentações de medicamentos diferenciadas: o paciente pode necessitar de apresentações não disponíveis em medicamentos industrializados. Como exemplo, há pacientes com dificuldade de deglutir cápsulas e comprimidos que necessitam que seu medicamento seja líquido. Ou ainda, remédios para crianças podem ser feitos num tamanho especial de cápsula ou manipulados na forma de xarope ou supositório.  A manipulação possibilita que o profissional de saúde habilitado prescreva formas farmacêuticas diferenciadas e adequadas as necessidades de cada paciente. Atualmente, existem medicamentos em forma de balas, pirulitos, géis transdérmicos, soluções para inalação, entre outros.
  • A dose certa para a pessoa certa: Nenhuma pessoa é igual a você, portanto, o mesmo medicamento que fez bem a uma determinada pessoa pode não fazer bem para você. A farmácia de manipulação oferece medicamentos personalizados sob prescrição em doses diferenciadas para atender às necessidades de cada paciente. Já a indústria oferece doses padrão. Este diferencial é importante, principalmente para alguns grupos especiais de pacientes, como: idosos, prematuros, crianças, portadores de doenças renais ou hepáticas, entre outros.
  • Evita Automedicação: a farmácia magistral só poderá aviar um medicamento sob prescrição médica, o que evita a automedicação.
  • Pacientes Alérgicos: muitos pacientes podem ter alergias a algum aditivo utilizado numa medicação (por exemplo, pacientes com intolerância a lactose terão problemas com medicamento que utilizam a lactose como excipiente). A farmácia magistral faz a substituição desses aditivos por outros que não causem alergia.
  • Economia: a farmácia produz o medicamento na quantidade que você necessita, evitando sobras, desperdícios e mau uso do medicamento, diminuindo assim o custo do tratamento.
  • Rótulo Personalizado: o rótulo do medicamento manipulado contém informações que evitam o risco de troca ou consumo inadequado por terceiros. São informações que devem constar no rótulo:
    • seu nome
    • nome do prescritor
    • número de registro de sua receita
    • data de fabricação e validade
    • fórmula completa: substância, dose, quantidade e forma farmacêutica
    • posologia: como o medicamento deve ser usado
    • identificação da farmácia e do farmacêutico responsável